Sidebar

19
Ter, Mar

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Ônibus parados afetam atendimento em Belém, Ananindeua e Marituba. Mais de 150 mil devem ser atingidas pessoas devem ser atingidas.

O Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário do Estado do Pará (STTREPA) e o Sindicato dos Rodoviários de Ananindeua e Marituba (SINTRAM), filiados à CTB, paralisam as atividades todas as linhas de ônibus do município de Marituba, além de sete linhas de Belém desde a madrugada desta sexta-feira (20). 

A paralisação foi decidida pela categoria em reivindicação pelo não pagamento dos salários de acordo com o acordo coletivo de trabalho, nem das horas extras, pela empresa Via Loc. Além do assédio moral, a obrigatoriedade da virada de serviço, o alto índice de demissões por justa causa, não pagamento do 31º dia de trabalho do mês, carga horária exaustiva dos trabalhadores da manutenção e falta de limpeza nos finais de linha.

"Essa empresa não paga horas extras ao trabalhador praticamente desde que iniciou a operação. As irregularidades são enormes e os trabalhadores não aguentam mais tanto desrespeito, por isso vamos parar e pressionar a patronal a resolver essas situações, ninguém aguenta mais", comentou Willém Ribeiro, secretário Geral do Sindicato dos Rodoviários do Pará e trabalhador da empresa Via Loc.

Além de todas as linhas do município de Marituba, param também Icoaraci/Ver-o-Peso, Paracuri /Ver-o-Peso,Tenoné/Presidente Vargas, Eduardo Angelim, Jardim Europa/Ver-o-Peso, Tenoné/Centro e Cohab.

Portal CTB com agências

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.