Sidebar

18
Ter, Jun

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

A quarta-feira (24) foi marcada por uma grande manifestação no Largo da Batata, em São Paulo, em apoio a Fernando Haddad. Na reta final da campanha presidencial, cresce uma onda democrática que pode virar o jogo a favor do candidato da democracia e dos direitos sociais.

A pesquisa do Ibope divulgada na noite de terça (23) indica que parcela importante do eleitorado está abrindo o olho e abandonando a intenção de votar em Jair Bolsonaro, com muita gente migrando para Fernando Haddad.

Em São Paulo, a intenção de voto para Haddad subiu a 51% e ultrapassou Bolsonaro pela primeira vez. A diferença entre os dois candidatos caiu 4 pontos e a rejeição do candidato da extrema direita subiu cinco pontos, avançando para 40%, enquanto a de Haddad recuou de 47 para 41%.

Lideranças dos movimentos sociais e das centrais sindicais participaram do ato, entre eles o presidente nacional da CTB, Adilson Araújo, ao lado de líderes políticos como Eduardo Suplicy, Guilherme Boulos e Jamil Murad, que foram levar seu apoio a Fernando Haddad.

O secretário de relações internacionais da CTB, Nivaldo Santana, em sua fala durante o ato no Largo da Batata, citou o "tenebroso" discurso de Bolsonaro do último domingo.

"Depois do discurso tenebroso na avenida Paulista, prometendo ditadura, tortura, prisão e exílio, nós fazemos crescer de norte a sul do país um grito forte e vigoroso: Ele não e Haddad sim", disse Santana, enfatizando a força e a unidade da frente democrática que vem se ampliando em defesa da democracia.

Assista a um trecho do ato:

Na medida em que o dia da decisão se aproxima vai se formando uma frente ampla e multipartidária em defesa da democracia, uma onda que pode crescer e ser decisiva em 28 de outubro, impedindo que o Brasil seja precipitado no pesadelo. Domingo há de dar Haddad, 13.  

Portal CTB - Foto e vídeo: Mídia Ninja

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.